Governo Capixaba lança programas e projetos para empreendedores em parceria com Femicro-ES

23/06/2019

 

Marcando a retomada dos incentivos aos ambientes de negócios dos empreendedores capixabas, o Governo do Estado, por meio da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes) lançou nesta quarta-feira (19) os Programas “Capacitar para Empreender” e “Inova Mercado”, projetos que contarão com a parceria da Federação das Associações de Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais do Estado do Espírito Santo (Femicro).

 

O lançamento foi realizado no Palácio Anchieta, no Salão São Tiago e surpreendeu em quantidade e diversidade do público. Marcaram presença no evento indígenas, artesãos, estudantes, catadores de material reciclado, empreendedores de diversos portes e de variados segmentos, representando o viés de integração em prol do empreendedorismo no Estado.

 

O presidente da Femicro, José Vargas, esteve presente no lançamento e confirmou a parceria da Femicro nos programas e projetos lançados. “Passamos um tempo com atividades paradas no setor. E mesmo assim de 2018 até o momento temos números otimistas de empregabilidade. O setor de micro empreendimentos empregou mais de 630 mil pessoas enquanto grandes empresas fecharam 79 mil postos de trabalho. O Governador Renato Casagrande tem uma grande sensibilidade para isso e eu acredito que com todos esses incentivos e investimentos no setor, esses números serão ainda melhores”, comentou otimista.

 

Capacitar para empreender

O programa busca ampliar a geração de trabalho e renda por meio de qualificação e se divide em quatro frentes de atuação: D’Elas, MEI Legal, Aderes na Estrada e Qualificar para Inovar.

 

Inova Mercado

Com foco em inovação de gestão o programa abarca 15 projetos. O Objetivo é incentivar e contribuir para aperfeiçoamento dos processos produtivos, agregar valor aos produtos e serviços e comercialização com uso de tecnologias, mídias sociais. Em 2019 serão contemplados sete projetos. São eles: Cidades do Futuro; Agro Legal; Ações Integradas Ecosol; Conecta Ifes; Comunidade Criativa; Vender para Crescer e Novos Espaços de Comercialização.

 

Beneficiados

Ao todo, os programas e projetos pretendem beneficiar 16.305 empreendedores capixabas. Microempreendedor Individual (MEI), micro e pequenas empresas, segmentos da economia solidária, artesanato, agricultura familiar, são alguns dos que serão beneficiados pelas ações.

 

Saiba mais sobre os programas aqui.